Requalificação Praça Cruz Di Papa

Praia – Ilha de Santiago – Cabo Verde

Inaugurada em 2007, a Praça Cruz do Papa na cidade da Praia, oferece à população um local de peregrinação e meditação, assim como de lazer e convivência. A sua criação teve como objectivo principal homenagear o Papa João Paulo II, de quem se ergue uma estátua ao centro. Daqui tem-se ainda uma vista privilegiada sobre o mar e as praias da cidade.

Na zona nascente da praça, associado ao bloco de instalações sanitárias preexistentes, propõe-se a implantação de um estabelecimento de restauração, do tipo snack-bar que disponibilizará refeições de qualidade a custo reduzido. A sua forma longa cria um percurso de ligação à estátua do Papa e ao anfiteatro ao ar livre.
Em área mais central, implanta-se o pequeno edifício da mediateca que albergará um centro de atividades culturais a desenvolver no recinto. Estas desenrolar-se-ão principalmente no espaço do anfiteatro ao ar-livre onde pontualmente se organizarão pequenos espetáculos musicais, declamação de poesia, visionamento de filmes e outros que se considerem de interesse, no âmbito de uma programação cultural. Neste edifício, para além de acesso à internet e outros meios audiovisuais, serão disponibilizados livros, permitindo aos utentes a possibilidade de desfrutar e desenvolver hábitos de leitura, em ambiente propício para o efeito. Complementarmente, integrará ecrã digital, que permitirá a visualização de eventos e divulgação de informação institucional.

A norte da praça, em local com fácil acesso da via automóvel e com aspeto idêntico ao edifício da mediateca, localizar-se-á um quiosque de venda de jornais e souvenirs ligados à temática da praça, que vem ainda complementar o conjunto de serviços disponibilizados.

Associados à área de parque infantil, poderão ser introduzidos equipamentos de exercício de manutenção, destinados a ser utilizados por pessoas mais idosas. A sul da praça, entre a esplanada e o anfiteatro serão colocadas lunetas que permitirão melhor desfrutar da vista, a partir deste ponto.

Na praça, será introduzido mobiliário urbano complementar, (bancos, papeleiras, etc.) para dar resposta ao acréscimo de uso previsto.

Share on facebook
Share on linkedin